Yahoo Search Busca da Web

Resultado da Busca

  1. Carlos Souto Pena Filho ( Recife, 17 de maio de 1929 — Recife, 1 de julho de 1960) foi um advogado, jornalista e poeta brasileiro, considerado um dos mais importantes poetas pernambucanos da segunda metade do século XX depois de João Cabral de Melo Neto.

  2. Poesias e PoemasCarlos Pena Filho. PUBLICIDADE. A Palavra. Navegador de bruma e de incerteza, Humilde me convoco e visto audácia. E te procuro em mares de silêncio. Onde, precisa e límpida, resides. Frágil, sempre me perco, pois retenho. Em minhas mãos desconcertados rumos. E vagos instrumentos de procura. Que, de longínquos, pouco me auxiliam.

  3. Nosso poeta, Carlos Pena Filho foi brasileiro, considerado um dos mais importantes poetas pernambucanos da segunda metade do século XX depois de João Cabral de Melo Neto. Era filho de portugueses, por isso, embora tendo nascido em Recife, iniciou seus estudos em Portugal.

  4. 1 de dez. de 2010 · Neste finalzinho de 2010, que marca os 50 anos da morte do poeta Carlos Pena Filho, o Vermelho publica, abaixo, uma seleção de alguns poemas do pernambucano.

  5. Faleceu vítima de um terrível acidente automobilístico. Um outdoor exposto nas ruas de Recife e Olinda, em novembro de 2010, homenageando o poeta Carlos Pena Filho. Foto Nildo. De Carlos Pena Filho POESIA PRESENTE Recife: Fundação Cultura Cidade do Recife, 2009. Envelope c/folhas soltas.

  6. Carlos Pena Filho, como ficou conhecido, morou um tempo em Portugal, mas voltou para a capital pernambucana. Infelizmente morreu muito jovem, aos 31 anos de idade, em um acidente de carro, mas a sua poesia e o seu lirismo marcaram para sempre a história literária da cidade.

  7. a pena de viver e a dor de amar. e quando nada mais interessar. (nem o torpor do sono que se …. Leia mais. Soneto das Metamorfoses Carlos Pena Filho. A Edmundo Morais. Carolina, a cansada, fez-se espera. e nunca se entregou ao mar antigo. Não por temor ao mar, mas ao perigo.