Yahoo Search Busca da Web

Resultado da Busca

  1. Nesse livro, de notória importância, testemunhamos Strauss operar não somente como um exegeta de Maquiavel, discutindo pormenores críticos, mas, também, como filósofo em sentido próprio, extrapolando a teoria maquiaveliana, levando-a à exaustão e conduzindo-a por caminhos inexplorados.

  2. 23 de ago. de 2015 · Com base na crítica do método de leitura e escrita dos textos filosóficos de Strauss, podemos perceber que a operação interpretativa de Strauss consiste na construção de uma nova figuração do velho maquiavelismo que assaltou a obra de Maquiavel desde que passou a ser censurada pelos padres.

    • André Menezes Rocha
    • 2015
  3. Compre online Reflexões Sobre Maquiavel, de Leo Strauss, Élcio Verçosa Filho na Amazon. Frete GRÁTIS em milhares de produtos com o Amazon Prime. Encontre diversos livros escritos por Leo Strauss, Élcio Verçosa Filho com ótimos preços.

    • (14)
  4. Strauss identifica em Maquiavel a construção de um verdadeiro projecto político-filosófico e de uma estratégia filosófico-literária para o pôr em marcha. Nesse projecto, Maquiavel parte de uma nova concepção política do homem, sobretudo na dimensão de uma rejeição total da influência religiosa.

  5. Maquiavel, asseveraria, em suas anotações para um curso oferecido nos EUA em 1955: “Maquiavel não pergunta jamais: para que serve a política? Isto é muito surpreendente. Ninguém salvo ele põe inteiramente de lado essa questão. A política não tem im mais elevado do que ela própria”.

  6. Das Verdades Inconfessáveis: Leo Strauss e o problema da tirania em Maquiavel. Hugo Araújo Prado. RESUMO: O presente texto consiste em um breve esforço de esclarecer alguns pontos sobre a especificidade da leitura de Leo Strauss sobre o problema da tirania em Maquiavel.

  7. Para Leo Strauss, Maquiavel faz apenas uma “crítica imanente” ao cristianismo que inicia a crítica imanente feita pelo iluminismo radical. A crítica imanente preserva e radicaliza aspectos centrais daquilo que critica – tais como a probidade intelectual, o igualitarismo e a propaganda – e estaria na origem dos movimentos políticos ...