Yahoo Search Busca da Web

Resultado da Busca

    • Amor pela mãe. A Sociedade da Neve. Diretor de A Sociedade da Neve engavetou cenas com cérebros: 'Sairiam do cinema' Renascer. Renascer: Veja como acabou a primeira versão da novela, em 1993.
    • Rivalidade com a prima, Mary da Escócia. Por duas décadas, a rivalidade entre as primas dominou a política monárquica de grande parte da Europa. Mesmo reconhecida como a herdeira oficial de Henrique VIII, alguns católicos acreditavam que ela não era legítima.
    • Rainha Virgem. Elizabeth I é conhecida também como a Rainha Virgem, levantando o debate se ela seria, de fato, uma mulher virgem, visto que nunca teve um sucessor.
    • Guerra com os católicos. Com medo de sofrer um ataque das Cruzadas, Elizabeth tomou uma decisão drástica. As missas foram banidas e padres foram executados, a historiadora Jessie Childs afirma que “os católicos elisabetanos da Inglaterra eram o inimigo público número um”.
  1. Isabel Tudor nasceu no Palácio de Placentia, Greenwich, em 7 de setembro de 1533, sendo nomeada em homenagem a suas avós: Isabel de Iorque e Isabel Howard. [ 5] Era a segunda filha do rei Henrique VIII de Inglaterra a sobreviver a infância. Sua mãe era Ana Bolena, a segunda esposa de Henrique.

    • Infância
    • Elizabeth E Eduardo Vi
    • Elizabeth E Maria Tudor
    • Reinado de Elizabeth I
    • Últimos Anos Do Reinado

    Elizabeth passou a infância e a juventude fora da corte, dedicada inteiramente aos estudos. Educada por humanistas, em Cambridge, teve aulas de línguas, música e dança. Em 1544, o Parlamento decidiu devolver seus direitos e a princesa voltou para a corte.

    Em 1547, seu pai faleceu e seu meio-irmão, Eduardo VI, filho de Jane Seymour, a terceira esposa de Henrique VIII, assumiu o trono. Elizabeth estava com 13 anos. O novo rei Eduardo VI tinha apenas 10 anos e por isso o governo ficou sob a regência de Somerset (até 1549), e de Warwick (de 1549 a 1553). Nesse período, Elizabeth se viu envolvida por int...

    Com a morte do rei Eduardo VI, assumiu o trono sua meia-irmã Maria Tudor, filha de Henrique VIII e sua primeira mulher Catarina de Aragão. Com o reinado de Maria I, o catolicismo foi restaurado e as leis contra a Igreja instauradas por Henrique VIII são revogadas pelo Parlamento. Os heréticos são perseguidos e o número de execuções é tão grande que...

    Com a morte de Maria I subiu ao trono Elizabeth I, que com 25 anos foi coroada Rainha da Inglaterra. Logo restabeleceu a estrutura anglicana para a Igreja. Em 1562, restaurou o Ato de Supremacia, que estabelecia o soberano como chefe da Igreja Anglicana. Em 1563, o novo corpo eclesiástico definiu os 39 pontos básicos do anglicanismo. A ressurreição...

    Em 1600, Elizabeth I fundou a "Companhia das Índias Orientais" para comerciar com todas as terras a leste do Cabo Frio. Os navegantes procuravam a passagem de ligação entre a América e a Ásia. Na América, fundou-se a cidade de Virgínia. Os mares ainda eram dominados pela Espanha, a grande rival econômica da Inglaterra. Quando a Marinha inglesa venc...

    • Biblioteconomista e Professora
  2. 26 de mai. de 2020 · Elizabeth nasceu em 7 de Setembro de 1533, no Palácio Greenwich, filha de Henrique VIII da Inglaterra (r. 1509-1547) e Ana Bolena (c. 1501-1536). Recebeu seu nome da avó, Elizabeth de York (n. 1466), esposa de Henrique VII da Inglaterra (r. 1485-1509).

    • Mark Cartwright
  3. A rainha Elizabeth I (Queen Elizabeth I, em inglês) nasceu em 7 de setembro de 1533 e faleceu em 24 de março de 1603. Foi a última rainha da dinastia Tudor a ocupar o trono inglês. Seu pai era o rei Henrique VIII e sua mãe, Ana Bolena, a segunda esposa do monarca inglês e a primeira a ser condenada à morte por ele.

    • Professora de História