Yahoo Search Busca da Web

Resultado da Busca

  1. Margarida da Escócia ou Margarida de Wessex (Hungria, c. 1045 — Castelo de Edimburgo, 16 de novembro de 1093), foi rainha consorte da Escócia como esposa de Malcolm III da Escócia. É venerada santa da Igreja Católica.

  2. A Igreja celebra em 16 de novembro, Santa Margarida da Escócia que foi uma caridosa rainha que se dedicou aos pobres e é um grande exemplo a cada um de nós.

  3. Vamos contemplar o coração ao mesmo tempo régio e maternal, cheio de fé e idealismo, de uma rainha escolhida por Deus para refletir de algum modo Maria Santíssima junto ao seu povo: Santa Margarida da Escócia, cuja memória é celebrada no dia 16 de novembro.

  4. 5 de jun. de 2024 · Maior que a morte. Devido à sua saúde precária, Margarida adoeceu, em 1093, enquanto seu esposo e filho mais velho tiveram que empunhar as armas contra Guilherme, o Vermelho, que invadia a Escócia. Ambos morreram, em 13 de novembro, na Batalha de Alnwick. É famosa a oração da rainha ao receber a notícia.

  5. Santa Margarida da Escócia faleceu no dia 16 de novembro de 1093 no Castelo de Edimburgo. Foi sepultada na igreja da Santíssima Trindade, em Dunfermline, para onde também o corpo do rei Malcom III foi levado mais tarde.

  6. Santa Margarida entrou no Céu a 16 de novembro de 1093. Foi sepultada na igreja da Santíssima Trindade, em Dunfermline, para onde também o corpo do rei Malcom III foi levado mais tarde. Santa Margarida da Escócia, rogai por nós!

  7. Ela brilha nos céus da História afirmando ser possível a existência de um mundo feliz e maravilhoso, fundado no respeito à Lei de Deus. Torna-se rainha da Escócia. O soberano escocês, Malcolm III, admirado com a virtude de Santa Margarida, decidiu casar-se com ela. Embora tivesse o desejo de consagrar sua vida a Deus, acabou por aceitar.

  1. Buscas relacionadas a Santa Margarida da Escócia

    hino de Santa Margarida da Escócia