Yahoo Search Busca da Web

Resultado da Busca

  1. Guilherme I ( Haia, 24 de agosto de 1772 – Berlim, 12 de dezembro de 1843) foi o Rei dos Países Baixos e Grão-Duque de Luxemburgo de 1815 até sua abdicação em 1840, tendo anteriormente servido como Príncipe de Orange-Nassau de 1813 até sua proclamação como rei.

  2. Nos Países Baixos, Guilherme, o Taciturno, é considerado como o fundador da nação e o hino nacional, Wilhelmus, foi uma canção popular da época escrita em seu apoio. A bandeira é uma adaptação da bandeira do Príncipe e a cor nacional dos Países Baixos — o laranja — é uma referência directa ao nome do principado de ...

  3. Guilherme I ( Haia, 24 de agosto de 1772 – Berlim, 12 de dezembro de 1843) foi o Rei dos Países Baixos e Grão-Duque de Luxemburgo de 1815 até sua abdicação em 1840, tendo anteriormente servido como Príncipe de Orange-Nassau de 1813 até sua proclamação como rei.

  4. Em 1566, em meio a uma revolta calvinista, seria enviado para a região o temido duque de Alba, que passou a governar os Países Baixos. Apenas dois anos depois, entretanto, o governador da província da Holanda, Guilherme I de Orange-Nassau, tentou depor sem sucesso o duque de Alba.

  5. História. Hoje na História: 1584 - É assassinado Guilherme I, príncipe de Orange. Tuitar Compartilhar Encaminhar Enviar por e-mail. Imprimir. Chefe dos calvinistas holandeses, Guilherme "o Taciturno" foi responsável por impulsionar a independência dos Países Baixos. Max Altman. 10 de jul de 2014 às 03:00.

  6. Príncipe revolucionário e libertador germânico nascido em Dillenburg, Nassau, atual Alemanha, líder da revolta dos Países Baixos contra o domínio espanhol e o catolicismo e fundador das Províncias Unidas dos Países Baixos, a República da Holanda, e foi seu primeiro dirigente, stadholder.

  7. Nos Países Baixos, Guilherme, o Taciturno, é considerado como o fundador da nação e o hino nacional, Wilhelmus, foi uma canção popular da época escrita em seu apoio. A bandeira é uma adaptação da bandeira do Príncipe e a cor nacional dos Países Baixos — o laranja — é uma referência directa ao nome do principado de Orange (laranja).